Manchas de petróleo chegaram à foz do Rio São Francisco. A Marinha e o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis em Alagoas (Ibama-AL) encontraram o óleo no município de Piaçabuçu, em Alagoas, durante vistoria nesta quarta-feira (9).

O secretário de Meio Ambiente e Turismo de Piaçabuçu, Otávio Augusto, que acompanhou os trabalhos, informou que, além das manchas localizadas em trecho da areia do rio, também foram achadas duas tartarugas cobertas de óleo.

Uma delas, localizada na foz, estava morta; a outra, encontrada na praia de Feliz Deserto, estava com vida e foi encaminhada para tratamento em Sergipe.

Desde o início de setembro, crostas de óleo são vistas no litoral nordestino. Segundo o último balanço do Ibama, que ainda não inclui os trechos do rio em Piaçabuçu, o petróleo já atingiu 138 áreas. Em Alagoas, o último boletim do Ibama mostrou 16 locais em 10 municípios.

Na terça (8), órgãos ambientais sobrevoaram o litoral sul do estado para verificar a dimensão das manchas em Alagoas. Segundo o Ibama, pelo que foi analisado, as cidades mais afetadas foram Coruripe e Piaçabuçu.

Por conta do aparecimento de manchas de óleo no Litoral Alagoano, o Ibama divulgou informações sobre o que fazer ao encontrar manchas ou animais sujos de óleo.

Equipes do Ibama e da Marinha estão em Piaçabuçu, AL, para realizar vistoria no Rio São Francisco — Foto: Amorim Neto/TV Gazeta